Rondônia, 31 de janeiro de 2023
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Polícia

Homem usava rádio de comunicação para ajudar transporte ilegal de madeira

Terça-feira, 23 Agosto de 2016 - 12:53 | Da redação


Um homem de 42 anos foi flagrada pela central de vídeomonitoramento da Polícia Militar (PM), em Cacoal, com um rádio de comunicação. Ao ser abordado pelos policiais em um posto de combustível próximo à BR-364, ele confessou que trabalha como batedor e tinha a função de alertar motoristas de caminhão tora que estariam transportando madeira ilegal para Cacoal.



Segundo a polícia, o homem foi identificado como Jailson B. e ele estava na companhia de uma mulher, em um veículo modelo Corola. Ao fazer o retorno próximo a um posto de gasolina e o passageiro colocou para fora do veículo uma antena utilizada para rádio comunicação. Durante a abordagem, os policiais militares solicitaram do proprietário que os acompanhassem durante a busca no interior do carro. Foi encontrado no assoalho um rádio PX que estava conectado a um fio que aparentemente fornece carga oriunda da bateria do veículo.

Ao questionar o proprietário sobre o equipamento, ele inicialmente disse que seria para comunicação com algumas pessoas que estavam em um caminhão que iria descarregar ali próximo, porém ao ser perguntado onde seria o local da descarga entrou em contradição, resolvendo então declarar que o rádio seria para manter contato com motoristas de caminhão tora que estariam trazendo madeira ilegal para a cidade de Cacoal e que sua função seria de batedor e alertar os motoristas em caso de alguma barreira de fiscalização fosse avistada ou viatura da Policia Militar.

De acordo com a PM, foi solicitado de Jailson a licença de operação, conforme Resolução nº 578, de 30 de novembro de 2011, da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), sendo afirmado não possuir. O veículo, por não estar devidamente licenciado, conforme art. 230, V do CTB, foi recolhido para o pátio da Ciretran local. Após coleta de dados, a dupla foi apresentada na Delegacia de Polícia Civil para providências. Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também