Rondônia, sábado, 19 de janeiro de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Polícia

Publicado em Terça, 10 de Maio de 2016 - 18h54

Para OAB, Fiero e Fecomércio só impeachment alivia crise

Da Redacao


Após a confusão causada pelo presidente interino da Câmara, deputado Waldir Maranhão, o processo de impeachment segue o rito normal e a votação no plenário ficou mantida para esta quarta-feira (11). Em Porto Velho, a notícia de uma possível anulação do processo também causou surpresa e indignação, já que as perspectivas são de melhorias e retomada de crescimento do país com o afastamento da presidente Dilma Roussef do cargo.

Órgãos, entidades representativas do comércio, sindicatos e federações permanecem acreditando que a saída da atual presidente do poder é o caminho para revés da economia, crise política e falta de confiança do mercado financeiros.

Para o presidente da OAB, Andrey Cavalcante, não há dúvida que o julgamento seguiu o devido processo legal e há indícios fortíssimos de ofensas a Lei Orçamentária, a Lei de Responsabilidade Fiscal, desvio de finalidade de atos administrativos, obstrução da justiça e cometimento de crimes de responsabilidade. “A expectativa é que seja aprovado e isto está bem claro a partir do posicionamento de dezenas de senadores”, afirmou. Andrey também condenou a tentativa do deputado Maranhão de anular a sessão do impeachment na casa de Leis.

Em março, a OAB rondoniense já havia se posicionando favoravelmente ao impeachment de Dilma. Andrey considerou como graves as denúncias apresentadas pelo senador Delcidio do Amaral envolvendo Dilma. “A verdade que esses fatos nos revelam urge por providências muito rígidas: uma presidente da República e toda sua cúpula envolvida em manobras políticas para intimidar Tribunais Superiores, ministros, juízes e testemunhas, a fim de obstruir o fluxo de uma investigação criminal”.

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Rondônia (Fecomércio-RO) argumenta que não pode ficar inerte frente a situação e reconhece a “importância de superar os problemas atuais vividos no cenário político e econômico da sociedade brasileira”. A entidade já posicionou-se favorável ao impeachment, destacando que deve adotar uma posição defensiva não só do segmento que representam, mas também da sociedade que vem sofrendo dia após dia em decorrência dos desmandos e da corrupção

A Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero) já liderou a campanhas a favor do impeachment em conjunto com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e maçonaria. Em meio a retração que vive o setor da indústria no país, o estado ainda representa apenas 0,5% do Produto Interno Bruto (PIB) Industrial, segundo dados divulgados no início deste mês pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). No ranking entre estados, Rondônia aparece como o 22º quando o assunto é exportação. Para o presidente da Fiero, Marcelo Thomé, os dados mostram o que o “crescimento da indústria é positivo, pois significa mais empregos, maior distribuição de renda e denota o desenvolvimento do Estado”. No entanto, esse crescimento só deve se solidificar quando ocorrer o afastamento da presidente Dilma promovendo uma “agenda positiva de desenvolvimento e recuperação econômica”.


(Disponível em https://www.rondoniagora.com/policia/para-oab-fiero-e-fecomercio-so-impeachment-alivia-crise)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions