Rondônia, sábado, 18 de agosto de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Terça, 10 de Abril de 2012 - 17h45

Confúcio cobra de equipe resultados práticos para Guajará-Mirim

Decom


Durante reunião de trabalho com seus principais assessores, o governador Confúcio Moura (PMDB) cobrou resultados práticos para os projetos lançados em Guajará-Mirim, que comemora 83 anos de emancipação.
“Não quero mais ir à Guajará-Mirim e a população ficar falando de promessas. Quero ir para inaugurar o que prometi aos moradores”, disse o governador pedindo rapidez aos secretários cumprimento das ações.

Confúcio lembrou aos chefes das pastas e representantes, que o município de Guajará-Mirim foi classificado como o único de Rondônia com o pior desempenho estrutural no aspecto fiscal. “Dados do Tribunal de Contas mostram que o município em termos fiscais fere todas as normas estabelecidas em lei”, lembrou ele.

O governador disse que não permitirá de maneira nenhuma que seu governo arque com o “descompromisso” com o município de Guajará-Mirim. “Como governador tenho a obrigação de colocar esta terra novamente de pé. Seria uma vergonha deixar que esse município viesse a falência”.

A partir de agora o governo do Estado terá um representante direto, responsável por fiscalizar todo e qualquer recurso que seja repassado com o objetivo de investir nas obras públicas do município.

Saúde

Exemplo disso já é o contracheque dos 37 servidores do Hospital Regional que o estado assumiu o pagamento dos salários. Com esse repasse de servidores, a folha de gastos com pessoal do município teve uma redução de R$ 156 mil. “Ainda é pouco, mas já é o começo e vamos além”, afirmou a responsável pelo Projeto de Revitalização do município de Guajará-mirim, Milene Motta.

Ainda para a saúde, o governo já terminou o projeto de reforma e estruturação operação do Hospital Regional orçado no valor de R$ 12 milhões.

Abertura de empregos

A meta do governo para reanimar os moradores da “Perola do Mamoré” é atingir índices favoráveis com a abertura de empregos. Numa pesquisa feita pelo economista José Roberto Mendonça de Barros, o município foi analisado com potencial para abrir pelos menos 34 mil empregos no setor madeireiro na região, com a possibilidade da retirada de madeira no sistema de Manejo Florestal.

Outra averiguação focada para o município é o sistema de piscicultura. A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Social (Sedes) prevê para 2012 a abertura de 200 poços escavados em áreas privadas, o que vai colaborar, segundo o secretário Edson Vicente, para a economia dessas pessoas, que atualmente se mantêm apenas com renda de subsistência. “Um dos peixes a serem comercializados é o pirarucu, que em Rondônia foi declarado como isento de imposto. O que significa uma vitória para o piscicultor rondoniense”, informou o secretário de Finanças, Benedito Alves.

Dos 200 tanques, 100 começam a serem abertos no dia 20 de abril. A legalização fica por conta da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Ambiental (Sedam). Já a Emater ficará responsável pelos cursos para o manuseio do pescado.

A melhoria das praças da cidade e a construção de cinco novas estão inclusas em um levantamento apresentado ao governador. Além dos barracões para os bois-bumbás “Malhadinho” e “Flor-do-Campo” que em agosto se enfrentam no festival folclórico conhecido como o Duelo da Fronteira que atrai milhares de pessoas de todo o Estado e da Bolívia, país vizinho ao município.

Educação e Trânsito

Para a educação, os governos do Estado e Federal vão implantar no distrito do Iata, a Escola Guaporé de Educação. A escolha do local em Rondônia foi da própria presidente Dilma Rousseff. O prédio construído pela Universidade Federal de Rondônia para a elaboração de cursos na área de hotelaria está desativado. “Um sonho da deputada federal Marinha Raupp que conseguiu a emenda para utilizar o prédio que foi construído naquela área”, afirmou o governador.

Ainda de acordo com Confúcio Moura, o Departamento Estadual de Trânsito de Rondônia (Detran) estuda a colocação de semáforos nas principais avenidas de Guajará-Mirim, amenizando os vários acidentes decorrentes da falta do instrumento de sinalização. Com eles, o Detran também incluirá a educação de trânsito. Uma boa notícia ainda é a manutenção das linhas vicinais que são a porta de escoamento da produção rural para a cidade e que atualmente encontram-se em péssimo estado de conservação em decorrência das chuvas fortes do início do ano.

“Não temos que recriar Guajará-Mirim. Temos é que criar novas oportunidades para o município”, falou o governador Confúcio Moura que nesta terça-feira (10) participa de eventos que comemoram o aniversário de 83 anos de emancipação, além de inaugurar a primeira escola de Ensino Integral com prédio próprio do Estado, Alkindar Brasil Arouca, no bairro 10 de abril.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions