Rondônia, domingo, 18 de fevereiro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Sexta, 02 de Outubro de 2009 - 18h48

Em campanha para eleições 2010, CUT faz o jogo petista e ataca lideranças

RONDONIAGORA


A CUT decidiu nesta sexta-feira entrar no jogo do PT e decidiu culpar os partidos de oposição pela não votação da PEC da Transposição, que segundo nota divulgada a imprensa, sempre mantiveram decisão contrária ao inchaço do poder público. Na verdade, o que as legendas de oposição sempre atacaram é a criação deliberada de cargos comissionados, ocupada justamente pelo PT. Em defesa pelas legendas que ajudaram os servidores rondonienses, a Comissão Intersindical decidiu reagir e expõe o que verdadeira está ocorrendo. Ainda com relação a CUT é notório que seu dirigente principal no Estado, filiado ao PT, almeja concorrer no próximo pleito.Veja a Nota da Comissão:
 
SINDICALISTAS REPUDIAM NOTA DA CUT

 
A comissão intersindical que coordena os trabalhos de acompanhamento da votação da PEC 483 que visa enquadrar servidores estaduais no plano federal repudia veementemente à nota da CUT, sobre críticas aos partidos oposicionistas, pelos seguintes motivos:
 
1-     Os sindicalistas em reunião no plenário 12 Câmara dos Deputados, 22 entidades sindicais, em consenso com a bancada federal, decidiram que não haveria manifestação contrária a nenhuma agremiação partidária, pois a decisão foi tomada pelo colégio de líderes, instância deliberativa daquela casa e não pelos partidos citados pela CUT.
 
2-     VERDADE: a votação não aconteceu pela necessidade de todos os partidos, retornarem as suas bases, por conta do prazo final de filiação, visando o pleito eleitoral do próximo ano. Tanto é, que ao votarem a PEC 277 (Desvinculação das receitas da União para a educação), os mesmos retornaram aos seus respectivos Estados.
 
3-     Com relação à obstrução citada na nota da CUT, esclarecemos que tal fato foi sanado por um acordo com o governo e a oposição, construído a pedido do senador rondoniense, conforme citação na nota da CUT.  O fato se deu, porque logo na manhã de quarta-feira, com uma sessão mista da Câmara e do Senado, foram votados projetos de interesse do governo e da oposição, principalmente o auxílio aos municípios na ordem de R$ 1 bilhão de reais.
 
4-     Essa comissão reconhece o trabalho de todos os partidos políticos, engajados na luta pela aprovação da PEC da Transposição. A mobilização da bancada federal de Rondônia, do governo do estado e Assembléia Legislativa, que atuaram junto as suas representações no Congresso Nacional, para que a mesma fosse votada em primeiro turno e garantir a votação na próxima semana em segundo turno, inclusive com manifestação de seus representantes no colégio de líderes, assegurando a inclusão em pauta da PEC 483/2005.
 
5-      Enfatizamos que quaisquer manifestações à luta pela transposição serão externadas por essa comissão que representa legitimamente 23 entidades sindicais e 05 associações de servidores militares, que firmaram entendimento de que o momento requer a união de esforços e propósitos que visam garantir a concretização da esperança de milhares de servidores públicos do Estado de Rondônia: A APROVAÇÃO DA TRANSPOSIÇÃO NO CONGRESSO NACIONAL.
 
COMISSÃO INTERSINDICAL PELA TRANSPOSIÇÃO


 


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions