Rondônia, quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Terça, 30 de Novembro de 2010 - 15h52

Genaro nega “farra” no final de mandato do Governo Cahulla

Decom


O secretário estadual de Finanças José Genaro, rebateu nesta terça-feira as recentes declarações do deputado estadual Amauri dos Santos, de que estaria ocorrendo uma ‘farra’ no final do Governo atual. No cargo desde 2003, Genaro garantiu que o exercício vai ser encerrado com a mesma austeridade e responsabilidade que a administração imprimiu ao longo dos quase oito anos.“Nunca houve farra no atual Governo e não será agora, no final do mandato, que isso vai ocorrer. A determinação do governador Cahulla a todos os secretários é uma só: manter o mesmo ritmo de trabalho e o mesmo compromisso desenvolvido ao longo desses quase oito anos”, disse.

Genaro declarou ainda que “enquanto for secretário, o meu compromisso e a minha responsabilidade é de comandar as receitas e as despesas do Estado, com exceção das pastas da Saúde e Educação que possuem financeiro próprios. Por isso, no âmbito da Sefin, continuarei trabalhando com a mesma austeridade para encerrar o exercício do mesmo modo que encerramos nos anos anteriores, não deixando folha de pagamento e nem fornecedores pendentes para o futuro Governo”.

O secretário agradeceu ao zelo e a preocupação do parlamentar com o fechamento equilibrado do exercício, e afirmou que todos os ofícios encaminhados a sua pasta serão respondidos e as informações repassadas. “Somos responsáveis pelos nossos atos e foi com trabalho e determinação que construímos uma gestão eficaz e equilibrada, e não será agora, no final do mandato que iremos agir diferente. Não há espaço para farras e outras irregularidades nem no começo, nem no meio e nem no fim de nossa gestão”, completou.

Sobre as insinuações do parlamentar de que a Sefin estaria tentando receber ‘adiantado’ das usinas, o secretário esclareceu que o papel da Secretaria é arrecadar e cobra de todos os contribuintes, de forma legal. Mas, assegurou que no momento não há nenhuma cobrança em relação às usinas e que qualquer isenção de tributos, por exemplo, só ocorreria com a anuência da Assembléia Legislativa.

Dados disponíveis no Portal Transparência – José Genaro reforçou que os dados da aplicação dos recursos públicos pelo Governo do Estado estão disponíveis Portal da Transparência, no endereço www.transparencia.ro.gov.br

Desta forma, é possível acompanhar a destinação das receitas arrecadadas, provenientes em grande parte dos impostos pagos pelos contribuintes. Nele, os cidadãos podem acompanhar a gestão das finanças da administração direta e indireta por meio das seções sobre despesa e receita. A Associação Contas classificou o Portal da Transparência de Rondônia com o 8º lugar no Brasil, sendo o 1º na Região Norte.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions