Rondônia, terça-feira, 25 de setembro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Política

Publicado em Segunda, 12 de Março de 2018 - 16h17

Preocupação era com a quebra de continuidade do trabalho, diz Daniel ao explicar nomeações antecipadas por Confúcio

da Redação


Preocupação era com a quebra de continuidade do trabalho, diz Daniel ao explicar nomeações antecipadas por Confúcio

O vice-governador Daniel Pereira (PSB) disse nesta segunda-feira em entrevista ao RONDONIAGORA não estar preocupado com a possibilidade do governador Confúcio Moura (MDB) renunciar ao Governo do Estado para sair à disputa ao Senado. Informado que Confúcio havia falado bem dele em entrevista à SicTV mais cedo, Daniel afirmou que não ouviu a reportagem e repetiu que Confúcio é quem decide sua própria vida.

O vice-governador disse que não recebeu explicações do chefe do Executivo para as exonerações de assessores indicados por ele e o governador para a cúpula da Polícia Militar e do Departamento de Estradas de Rodagens (DER) dentro do acordo de transição no Governo. “Nem eu e nem meu partido temos pessoas nomeadas no Governo para cargo algum. A partir do momento que o governador decidiu se afastar em função da candidatura ao Senado, o que tornou público em dezembro, ele me procurou para fazer a transição de secretários”, disse o vice. Essas mudanças iriam acontecer gradualmente e de acordo com a necessidade do cumprimento dos prazos de desincompatibilização eleitoral. “Nossa preocupação era com a quebra de continuidade do trabalho da equipe”, acrescentou. Assim foi feito na Emater e na Seagri e avançou-se na cúpula da PM e no DER. Sem aviso algum, as mudanças nessas duas pastas foram invalidadas pelo próprio Confúcio.

O vice-governador ficou decepcionado porque na área de segurança pública ele vem trabalhando em projetos desde 2015 conhecendo modelos de sucesso em vários estados, utilizando verba de seu próprio salário para custear despesas. “Aqui no estado temos algumas ações que infelizmente não tem evoluído e o Estado de Rondônia está em uma região complicada com mais de 1.400 quilômetros de fronteira desguarnecida com a Bolívia”, explicou Daniel, citando os casos da Patrulha Maria da Penha e a utilização do Termo Circunstanciado pela corporação militar para poupar tempo e reduzir recursos.
Sem vaidade para o cargo, Daniel lembra que em 2013 não era candidato a cargo eletivo, mas por conta de necessidade do partido foi lançado a Câmara dos Deputados e em 2014 virou vice-governador na chapa de Confúcio dentro das acomodações partidárias. Perguntado se pode disputar outro cargo, ele diz que tem compromissos para Assembleia, Câmara, Senado e até ao Governo porque o senador Acir Gurgacz (PDT) continua sendo seu candidato, mesmo com sérios problemas no Supremo Tribunal Federal. “Minha palavra é uma só”.

Gravações

Sobre as gravações na Assembleia, Daniel acha que foi um infortúnio do deputado Maurão de Carvalho que, segundo ele, é uma boa pessoa. Já Jesuíno Boabaid (PMN), o vice diz que o único mal que fez a ele foi sancionar o projeto de Lei da Assembleia Legislativa criado para anistiar Boabaid de suas penalidades militares, restabelecendo seu cargo na PM.

Greve na Educação

Daniel Pereira esteve conversando com a direção do Sintero sobre a greve dos professores em Rondônia. Para ele, a categoria não está pedindo mais do que o estado pode suportar. “A situação está simples de resolver. Basta vontade política”, disse Daniel, lembrando que não houve greve em 2015, 2016 e 2017. O vice pode ser o elo entre os trabalhadores e o Governo para chegar a um termo comum. “Nessa briga ninguém ganha, só quem perde são os alunos, por isso defendo o diálogo o quanto antes”, esclareceu.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions