Rondoniagora.com

Rondônia, 25 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Cidades

Menino de 13 anos desaparece em Vilhena; polícia está mobilizada

Terça-feira, 02 Agosto de 2011 - 12:18 | Folha do Sul on Line


Está desaparecido em Vilhena, desde a tarde de segunda-feira, o estudante Fernando Valace Galvão Costa Albacette. O garoto tem 13 anos e mora com os avós na rua 607, bairro Parque São Paulo, nos fundos da escola Ivete Brustolin.
Jacira esteve na manhã de hoje no Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e foi atendida pela primeira-dama Lizangela Rover, que prometeu mobilizar uma equipe para tentar encontrar o menor.
De acordo com a agente de saúde Jacira Sopelsa, tia do garoto, ele saiu de casa segunda à tarde para levar à escola o irmão menor, de 7 anos, que também mora com os avós. Desde então, não foi mais visto.
Jacira esteve na manhã de hoje no Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e foi atendida pela primeira-dama Lizangela Rover, que prometeu mobilizar uma equipe para tentar encontrar o menor.

Segundo revelou a tia, a avó do menino começou a se preocupar no final da tarde, quando o irmão dele voltou da escola sozinho. Familiares, com a ajuda de amigos, conversaram com colegas de Fernando e um deles teria dito que o estudante recusou um convite para jogar bola.
“Ele disse que iria para um rio”, revelou o menor.

Com ajuda de várias pessoas em motos, a família do estudante percorreu propriedades rurais e locais da área urbana até a madrugada de hoje. Uma ocorrência sobre o sumiço também foi registrada na Delegacia de Policia Civil.

Quando o Folha do Sul On Line estava colhendo detalhes sobre este caso, a tia de Fernando (Jacira) recebeu uma chamada no celular e revelou ao site um detalhe do mistério: na tarde de ontem, o garoto ligou de um celular para a casa da avó. O número foi rastreado e a polícia já sabe que a chamada foi feita de um sítio nas proximidades da cidade.

A polícia continua investigando o desaparecimento e qualquer informação sobre a criança desaparecida pode ser passada através dos seguintes telefones: 3321-4988 (CRAS), 3322-3001 (Polícia Civil), 3919-5180 e 3919-7026 (Conselho Tutelar) e 190 (Polícia Militar).
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News