Rondônia, terça-feira, 23 de julho de 2019
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Domingo, 22 de Junho de 2014 - 11h25

Povo denuncia abandono da Saúde em Jaru

RONDONIAGORA


Povo denuncia abandono da Saúde em Jaru

NO HOSPITAL MUNICIPAL, NÃO HÁ MÉDICOS, REMÉDIOS E NEM SERINGAS

A prefeita do município de Jaru, professora Sônia Cordeiro (PT), vem sofrendo críticas da população pelo caos instalado na Saúde pública. A constatação dos cidadãos é que a Saúde pública de Jaru está abandonada pelo poder público e falta mais empenho da prefeita  em resolver o problema.

Na unidade de saúde falta praticamente tudo, menos sofrimento e inúmeras reclamações dos pacientes que necessitam de um atendimento médico digno. Falta de medicamentos, material penso (seringas, ataduras, gazes, luvas e escovas cirúrgicas), médicos entre outros é o Raio-X que se encontra o HM de Jaru que só dispõe de uma única ambulância em estado precário e a coisa piorou mais ainda com o fechamento de todos os Posto de saúde no perímetro urbano que segundo a prefeita é para fazer uma ampla reforma nas respectivas instalações físicas. Outra denúncia relatada por funcionários de apoio que prefiram não ter suas identidades divulgadas temendo represália é que em muitos plantões o HM tem apenas um único médico para fazer todo o atendimento médico de urgência e emergência.
 “É vergonhoso demais ver que a saúde pública está esquecida em Jaru.
Quem perde com isso é o povo que depende da saúde pública municipal, abandonada é um descaso por parte da prefeita Sônia (Cordeiro). Espero que este quadro seja revertido, mas sinceramente creio que está muito difícil temos pelo menos uma saúde pública decente”, afirmou nada otimista o morador Luiz Gomes da Silva que lembrou na época da campanha eleitoral a prefeita Sônia Cordeiro fez o compromisso de oferecer uma saúde pública digna e humana, ou seja, uma revolução no setor que já vem sofrendo pelo descaso de gestões anteriores.

Servidores podem deflagra greve

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Jaru (Sindsmuj), Wellington Souza Almeida, disse que a categoria pode deflagrar uma greve a partir do mês de julho. O motivo da greve é a perda salarial de 28,87%, fato que a administração da prefeita Sônia Cordeiro vem ignorando. O presidente disse ainda que isso não é uma ameaça, apenas o Sindicato está fazendo o seu papel, mas quando o chefe do executivo não olha pelo servidor e não respeita a entidade que representa a classe, que, segundo ele, é o que vem acontecendo, tem de lançar mãos dos direitos que tem, e a greve é um deles. O represente da categoria também criticou o posicionamento dos vereadores que não se manifestaram sobre o assunto e sendo coniventes com a prefeita petista que vem tratando o servidor público municipal com descaso.


(Disponível em https://www.rondoniagora.com/cidades/povo-denuncia-abandono-da-saude-em-jaru)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions