Rondônia, terça-feira, 25 de setembro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Cidades

Publicado em Segunda, 09 de Maio de 2011 - 09h13

Surto de pneumonia em Vilhena já matou cinco crianças

Franciele do Vale


Desde o início do mês já morreram cinco crianças no Hospital Regional, diagnosticadas com pneumonia. Todas com menos de cinco anos de idade.

A situação é alarmante, os leitos masculino, feminino e principalmente a pediatria do Hospital Regional está abarrotada de pacientes com pneumonia. Falta leito na pediatria devido à quantidade de crianças com o vírus.

A reportagem do Jornal Folha de Vilhena esteve no hospital, no último dia cinco de maio e constatou o surto. Os mais atingidos são as frágeis crianças, havia vinte com pneumonia internadas. Algumas em estado grave.

É o caso da pequena Elen Custódio de apenas um ano e meio. A mãe, a empregada doméstica Eva Custódia, 29, relata que a filha estava com febre alta, tossindo muito, então se encaminhou até o Hospital Regional onde a filha foi atendida.

Fizeram os exames, como raios-X do pulmão, hemograma. Diagnosticada a pneumonia, foi internada. Porém, a mãe conta que dias depois a filha recebeu alta de um médico de plantão sem sequer olhar o exame da criança. Posteriormente, Eva foi para casa, mas tendo que retornar na mesma noite com Elen já passando muito mal. “Ela estava roxa, teria perdido minha filha se eu não tivesse voltado correndo para o hospital”, conta Eva indignada com o médico que liberou a filha sem examiná-la corretamente.

As mães que conversaram com nossa reportagem reclamam da falta de médico pediatra durante o dia. “Os médicos vêm de manhã e à noite, durante o dia todo não tem médico pediatra”, diz uma mãe revoltada.

“Pneumonia é um vírus, o contágio é provocado pela penetração de um agente infeccioso ou irritante como, bactérias, vírus, fungos e também por reações alérgicas. A recente onda frio que teve em Vilhena ajudou a propagar esse vírus”, diz a enfermeira do Hospital Regional, que preferiu não se identificar, afirmando uma das possíveis causas do surto de pneumonia na cidade.

De acordo com a enfermeira, os sintomas de pneumonia são: febre muito alta, tosse constante, respiração ofegante e dor no tórax, notando esses sintomas as mães não devem esperar. O procedimento correto é levar a criança para o hospital e exigir os raios-x do pulmão e o hemograma. Diagnosticada a pneumonia, os pacientes são tratados a base antibióticos fortíssimos, em casos extremos é necessário fazer a drenagem para retirar a secreção do pulmão. Quanto mais sedo for tratado, há menos risco de morte.

Segundo o diretor do Hospital Regional, Ivanildo Severino Barbosa, os pediatras também atendem nos postos de saúde, por isso não estão no hospital o dia todo. “As mães esperam tempo demais para trazer as crianças para o hospital por isso quando chega aqui o estado da criança, já é muito grave”, completa o Diretor.

De acordo com a Direção do Hospital desde o início da semana foram á óbito cinco crianças. O quadro pode piorar porque segundo informações levantadas neste fim de semana, também apareceram tuberculose dentro do Regional.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions