Rondônia, 12 de abril de 2024
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Política

NOVO PRESIDENTE DA ALE AGUARDA DESFECHO DA CCJ E PRIORIZA AÇÕES ADMINISTRATIVAS

Quarta-feira, 23 Novembro de 2011 - 11:28 | RONDONIAGORA


O presidente interino da Assembléia Legislativa de Rondônia, José Hermínio (PSD-Porto Velho), aguarda o parecer da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para colocar em apreciação no plenário da Casa de Leis a decisão da custódia do deputado estadual Valter Araújo (PTB-Porto Velho), preso desde a última sexta-feira, dia 18, na Superintendência da Polícia Federal. Hermínio entende que a CCJ está com os autos desde a segunda-feira, 21, mas como a comissão preferiu aguardar a leitura do expediente recebido na sessão ordinária de terça-feira, 22, os prazos devem ser alterados. “É uma questão primordial a apreciação da custódia”, explicou José Hermínio.



A Assembléia Legislativa estará votando o processo dos autos de prisão do deputado Valter Araújo. Mas por decisão do desembargador Sansão Saldanha, o presidente preso não poderá nem mesmo chegar na calçada da Casa de Leis. Valter está preso em uma sala na PF com um colchão no chão e um frigobar com água e frutas deixadas pelos parentes. Ele passou 3 dias sem comer e chora muito.

Questões administrativas

Enquanto a CCJ não decide o futuro de Valter Araújo, Hermínio prossegue com as ações normais da Casa de Leis, resolvendo as questões administrativas para não prejudicar o funcionamento da Assembléia. Os servidores estatuários, por exemplo, já receberam seus vencimentos do mês de novembro e ele já anunciou que pagará os salários dos comissionados também dentro do mês trabalhado.

Briga com Roberto continua

Embora esteja no centro da polêmica na Assembléia Legislativa, até pelas funções que ocupa agora, Hermínio não esqueceu do rival, o prefeito Roberto Sobrinho (PT). Na reunião da executiva petista realizada na manhã de terça-feira, Hermínio ficou sabendo que o prefeito admitiu que a empresa VR Madeira Transporte Ltda funciona mesmo em sua residência e que ele é o proprietário. Essa empresa, segundo informações, é dona de três caminhões da marca Iveco e estaria prestando serviços ao consórcio construtor da usina de Jirau, faturando cerca de R$ 40 mil por mês com os veículos. A casa e a empresa do prefeito são vigiadas por uma empresa de segurança privada paga pelos cofres do município de Porto Velho. “É uma imoralidade que vou denunciar ao Ministério Público. Ele (Roberto) vai devolver esse dinheiro a prefeitura?”, perguntou Hermínio. A mesma pergunta foi feita pela executiva do PT, que também ficou sem resposta.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também

Euclides fala em “nunca mais” se candidatar a cargo algum, mas agora diz que não pode fugir do mandato

O deputado estadual Euclides Maciel (PSDB-Ji-Paraná) disse nesta quarta-feira, 23, que nunca mais vai se candidatar a cargo eletivo, mas no momento...

PEDIDO DE PRISÃO DE VALTER ARAÚJO RETORNA A PRESIDÊNCIA PARA SER LIDO EM SESSÃO

Foi encerrada sem qualquer discussão sobre o caso Valter Araújo, a sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na Assembléia Legislativa de ...

CONFIRA EM VÍDEO A EXPLICAÇÃO DE LUIZINHO GOEBEL SOBRE ADIAMENTO DA SESSÃO QUE ANALISARIA PRISÃO DE VALTER ARÁUJO

De acordo com o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) na Assembléia Legislativa de Rondônia, Luizinho Goebel, os autos da prisão d...

ENTIDADES MÉDICAS E OAB SE MANIFESTAM CONTRA CORRUPÇÃO NA ALE E VÃO PRESSIONAR DEPUTADOS

As entidades médicas de Rondônia – Conselho Regional de Medicina, Sindicato Médico de Rondônia e Associação Médica de Rondônia –, com apoio da Comi...