Rondônia, terça-feira, 21 de agosto de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Quarta, 26 de Janeiro de 2011 - 12h56

A Justiça do Paraná impediu aumento na tarifa de ônibus, por aqui PT aposta no esquecimento - Por Ivonete Gomes

Ivonete Gomes


----------------------------------------------

“Fosse de outra legenda a administração, o presidente do Diretório Municipal do Partido dos “Trabalhadores” já teria enviado nota à imprensa e mobilizado militantes para ir às ruas lutar contra o reajuste da tarifa do transporte coletivo.”

----------------------------------------------

Mais que a inflação

Os usuários do transporte coletivo de Porto Velho seguem pagando a tarifa de R$ 2,60. O aumento acintoso de mais de 13% foi decretado no início de janeiro pelo secretário de Transporte e Trânsito de Porto Velho, Itamar Ferreira dos Santos, ex-presidente da CUT. O reajuste ficou acima da inflação acumulada de 2010 que fechou em 5,91%, de acordo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

A luta continua

Representantes da sociedade civil organizada estão mobilizados há duas semanas na coleta de assinaturas em documento que exige a revogação do ato do Executivo municipal que reajustou a tarifa. O professor da UNIR, Adilson Siqueira, informou que somente no primeiro dia mais de 2 mil pessoas aderiram ao protesto. O documento está disponível no Centro Pastoral de Porto Velho. Os líderes do movimento esperam coletar mais de 50 mil assinaturas.

Dois em um

O movimento também colhe assinaturas para exigir que o estado deixe de pagar aposentadoria a ex-governadores. No caso da tarifa de transporte, o documento será encaminhado ao prefeito Roberto Sobrinho e pode virar  inicial de Ação Popular. Já as assinaturas pela revogação de lei de aposentadoria de ex-governadores serão encaminhadas à OAB nacional.

Cadê o MP?

Em razão da Lei da Mordaça, instituída em Rondônia pelo ex-presidente da Assembléia Legislativa Natanael Silva, a imprensa não tem acesso a trâmites de investigações no Ministério Público do Estado, tampouco o órgão pode se pronunciar oficialmente. Por isso, não se tem notícia de que o MPE está agindo ou não no caso do reajuste da tarifa de ônibus. Em agosto do ano passado a Justiça do Paraná determinou que a Prefeitura de Londrina voltasse atrás do aumento concedido. A tarifa que era de R$ 2,10 passou para R$ 2,25 e o Ministério Público entrou com ação porque verificou que a reajuste era descabido e injustificado. Esperamos por aqui ação idêntica, já que a única explicação da prefeitura é de que o aumento é tendência nacional.

Cadê o PT?

É claro que todo mundo sabe que o PT é o partido dos seus. Fosse de outra legenda a administração, o presidente do Diretório Municipal do Partido dos “Trabalhadores” já teria enviado nota à imprensa e mobilizado militantes para ir às ruas lutar contra o reajuste da tarifa do transporte coletivo. Mas, como Sobrinho é companheiro, está tudo em casa. A aposta dos vermelhinhos é no esquecimento do povo. E dá-lhe carnaval!

Movimentos sociais

O deputado estadual Daniel Pereira (PSB-Porto Velho) está ao lado do professor Adilson Siqueira (PSOL) na liderança dos movimentos. Na verdade, eles ocupam um espaço deixado pelo PT e PC do B, cujos membros estão se matando por espaços nas gestões do prefeito Roberto Sobrinho (PT) e Confúcio Moura.  O atual governador já disse que abre mão do futuro benefício e o senador Valdir Raupp (PMDB-RO) também. No caso de Confúcio, basta enviar matéria a Assembléia Legislativa acabando com as aposentadorias no futuro. Já Raupp precisaria devolver os recursos aos cofres públicos, mas claro que não é obrigado.

Onda verde

Fortalecido no cenário político de Porto Velho, o PV subiu na cotação das apostas para sucessão do prefeito Roberto Sobrinho. Com a presidência da Câmara e espaços na municipalidade, os verdes pensam em emplacar no mínimo o vice numa grande coalizão para conquistar o Palácio Tancredo Neves. O vereador Marcelo Reis não esconde o desejo de representar o PV numa eventual chapa majoritária.

Núcleo de Imaginação do Sistema Gurgacz

Partiu do Núcleo de Imaginação Permanente do governador Confúcio Moura a formulação da manchete desta quarta-feira do jornal Diário da Amazônia, do senador Acir Gurgacz. Diz o diário que “Histórico de viradas na ALE anuncia surpresa”. Hein?! Peraí que vou tocar na raiz do cabelo para entender o que isso significa.

Informe Amazônia

Procurei a leitura interna do jornal e fiquei ainda mais confusa. Uma mistura doida de teorias de Jean-Jacques Rousseou com lamúrias governistas concluiu que os deputados que não estão com Jesualdo Pires (PSB- Ji Paraná) e, portanto, não estão com o governador Confúcio, são pessoas más. O jornal informa que deputados eleitos estariam confinados em uma fazenda e exige investigação do Ministério Público Estadual.  O que falta para os editores do jornal são fontes legítimas. Muitos deputados estaduais não querem na verdade é atender telefones com origem palaciana. Alguns temem as negociatas do cunhado do governador, Assis de Oliveira, que chegou ao cúmulo de oferecer contratos de fornecimento de marmitex. Assis, conforme matéria publicada neste Rondoniagora, tem um escritório a céu aberto numa chácara onde atende os deputados.

E soltaram os cães...

A bem da verdade, o senador Acir Gurgacz (PDT), dono do Sistema Gurgacz de Comunicação e da Eucatur, entrou definitivamente na briga pela Mesa Diretora da Assembléia Legislativa de Rondônia. Usou hoje o jornal Diário da Amazônia para atacar e pressionar deputados estaduais a votar no candidato do Governo, Jesualdo Pires (PSB-Ji-Paraná). A conta de Gurgacz é simples. Com o Poder Legislativo como aliado, a Eucatur pode garantir o aumento de passagens, voltar com a taxa de embarque, e acabar com os lotações intermunicipais. Além disso, para Gurgacz, fica mais fácil conduzir o processo de partilha da publicidade governamental, cujo contrato foi cancelado pelo Estado, após parecer do Tribunal de Contas de Rondônia.

JN o salvador

O Jornal Nacional resolveu o problema da saúde em Rondônia, anunciou Fátima Bernardes. Eu adoro a Globo! É puro entretenimento. 

Fazenda Pau D´Olho

O governador Confúcio está preocupado com os búfalos na fazenda que pertence ao Estado de Rondônia. Ele disse que vai estudar uma fórmula para conter o perigo iminente de Febre Aftosa no local, já que os animais são selvagens e, portanto, não são vacinados.

Solução do Núcleo de Imaginação

Senhor governador, os precogs informam que o senhor não terá êxito ao buscar solução  na fazenda Pau D´Olho. Essa não existe em Rondônia. Por aqui nós temos o hotel fazenda Pau D´Alho, que dizem ser muito bom, e a fazenda do Estado que se chama Pau D´Oleo. Aliás,  vamos parar de falar nesse negócio de fazenda. Afinal, o senhor desconhece até as suas....


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions