Rondônia, domingo, 16 de dezembro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Sábado, 25 de Outubro de 2008 - 10h25

Anac ameaça fechar aeroporto de Rio Branco - Por Altino Machado

Altino Machado


A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) ameaça fechar, a partir do dia 13 de novembro, o aeroporto Presidente Médici, de Rio Branco (AC), caso a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) não apresente com urgência um plano de ações corretivas, isto é, para tapar os buracos que se multiplicam na pista de pouso, sobretudo a partir de agora, quando tem início o inverno amazônico, informa Altino Machado.

- As inspeções constataram que a pista do aeroporto Presidente Médici está apresentando problemas e pode chegar ao ponto de não oferecer mais segurança para pouso e decolagem de aviões com mais de 60 assentos - afirmou ao Blog da Amazônia Sandra Fontella, da assessoria de imprensa da Anac.

Caso seja consolidada a interdição, a pista poderá ficar inoperante por até 180 dias. A Infraero já foi comunicada oficialmente pela Anac sobre a possibilidade de sofrer restrições para as operações regulares.Embora não tenham sido comunicadas oficialmente, as empresas Tam e Gol se anteciparam em suspender a venda de passagens para o Acre a partir do dia 15 de novembro.

Rodney Bezerra, acreano que mora em Fortaleza, planejava passar as festas de dezembro em Rio Branco. Nesta madrugada, ao tentar comprar a passagem na Gol, recebeu a seguinte mensagem: “Em virtude da possibilidade de fechamento do Aeroporto de Rio Branco para aeronaves maiores que 60 assentos, seguindo uma determinação da Anac, estamos suspendendo as vendas dos vôos que envolvem a localidade. O período de restrição será a partir de 15/11/2008 às 06:00, horário local”.

- Isso é um absurdo. O Acre poderá ficará isolado do resto do Brasil durante meses - protesta Rodney Bezerra.

O Aeroporto Internacional de Rio Branco é considerado um dos mais precários do país, embora tenha sido sido construído em 1999. Está situado a 21 quilômetros do centro da cidade. O aeroporto anterior estava instalado numa área particular cujo proprietário obteve na justiça a reintegração de posse.

O aeroporto atende à aviação doméstica, internacional, geral e militar, com operação de companhias aéreas regulares e táxis aéreos. O precário terminal, segundo a Infraero, está preparado para receber 270 mil passageiros por ano e realiza cerca de 14 operações diárias.

Há menos de um mês, políticos do Acre apresentaram ao Comitê da Fifa a defesa de Rio Branco com uma das sedes da Copa 2014.

Ao contrário de outras cidades-candidatas, que optaram pela contratação de profissionais de marketing para suas apresentações diante do Comitê da Fifa, o governador Binho Marques (PT) e o prefeito Raimundo Angelim (PT) delegaram ao ex-governador Jorge Viana e à senadora Marina Silva (PT) a missão de coordenar o grupo de trabalho encarregado de provar que a entidade máxima do futebol mundial só teria a ganhar se tiver a capital do Acre assegurada entre as sedes da Copa 2014, que acontecerá no Brasil.

O Acre é uma das regiões mais remotas do país. Caso a Infraero não apresente o plano de ações corretivas e a Anac cumpra a ameaça de interdição da pista, restará como aternativa aos passageiros que queiram visistar ou deixar o Acre, percorrer os mais de 500 quilômetros da BR-364 que separam Rio Branco de Porto Velho, a capital de Rondônia.



(Disponível em https://www.rondoniagora.com/artigos/anac-ameaca-fechar-aeroporto-de-rio-branco-por-altino-machado)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions