Rondoniagora.com

Rondônia, 01 de Outubro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Artigos

BANZEIROS - Onde se comenta o que foi e o que não foi notícia

Terça-feira, 08 Janeiro de 2008 - 09:31 | José Carlos Sá


APAGÃO
TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "Me chama” (com um tantinho de atraso, pois a chuva deu um tempo), do irreverente Lobão.

++++
TRILHA – DISCO 2

A música que nos embala e inspira hoje é "Me chama” (com um tantinho de atraso, pois a chuva deu um tempo), do irreverente Lobão.

++++
AI, AI

Em meados deste ano os Correios mudarão, novamente, o CEP (Código de Endereçamento Postal) das ruas de todas as localidades de Rondônia. O argumento até que seria aceitável: O Estado e as cidades estão crescendo sem parar e o antigo “78900-000” não está dando conta. O CEP vai mudar de 78900-000 até 78999-999 para 76800-000 até 76899-999. Eu constato, matematicamente, que trocaremos seis por meia dúzia. Cada uma destas dezenas de milhar têm 99.999 opções: uma é igual a outra. Ou é o contrário?

++++
AI, AI – 2

Por outro lado, para empresas e profissionais liberais não será seis por meia dúzia. Esta mudança do CEP vai ter conseqüências econômicas, pois impressos, letreiros e mesmo os cartões de visitas deverão ser alterados. Lá nos esteites, quando ocorre uma *erda destas, o responsável pela mudança, seja do código de endereçamento postal, seja pelo número do telefone (como ocorreu aqui recentemente) assume o custo da impressão de cartões comunicando a alteração. Mas isso é lá.

++++
FALANDO NISSO

Segundo “O Globo”, George W. Bush anunciou a redução de impostos no país dele para reduzir a recessão econômica que se delineia no horizonte. Aqui, Luiz Inácio...

++++
EXTRA

Os deputados estaduais se reúnem, extraordinariamente, logo mais para apreciar a mensagem do Executivo sobre aumento do funcionalismo. Mas duas coisas me intrigam: porque na mensagem não consta o índice de reajuste? Outra. No final do ano passado o governador Ivo Cassol, em entrevistas, disse que os reais economizados pelo não pagamento da dívida do Beron seriam usados para dar aumento ao funcionalismo. Este “perdão”, já comentei aqui, não é prego batido, ponta virada. Cabe recurso e enquanto o mérito não for julgado, o Banco do Brasil reterá a parcela mensalmente.

++++
ERREMOS E CONSERTEMOS

É por isso que sou viciado em escrever esta e-coluna, os leitores não deixam passar batido as besteiras que escrevo. AASMN, por exemplo, detectou duas derrapadas brabas na ’calúnia’ de ontem: “Nota ‘Reclame’: Acho que ficaria melhor “veiculado”. Vinculado, não larga mais; Nota “Ecos do 4/1 -2”. Quem tem razão? Acho que aquela pracinha, em frente ao Palácio de Governo, chama-se: Presidente Vargas ou, Getúlio Vargas, como o Palácio”. Ele tá certo. Presidente Dutra é a avenida que margeia a praça. Excesso de suco de maracujá dá nisso...

++++
IMORTAIS

O dia 4 de janeiro não serviu apenas para comemorar a instalação do Estado de Rondônia. Literatos elegeram a nova diretoria da Academia de Letras de Rondônia – ACLER. Para o biênio 2008/9 foram empossados: presidente, José Valdir; vice, professor Dante Ribeiro; secretário, Pedro Albino; RP, Yêdda Borzacov; biblioteca, Eunice Bueno; e tesoureiro, Claudio Feitosa. Boa sorte a todos.

++++
FOTÓGRAFOS

Hoje, dia do Fotógrafo e da Fotografia, o meu abraço a alguns amigos e parceiros de longa e curta data: Damião Cavalcanti, dona Iraci Oliveira, Natalino Costa, Machado, Irene, Eliênio Nascimento, José Hilde, Vilela, J. Gomes e todos aqueles que trabalham com a sensibilidade por trás das lentes.

++++
VOU COM OS QUE FICAM
sajunior@rondoniagora.com Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News