Rondônia, quarta-feira, 22 de agosto de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Segunda, 09 de Junho de 2008 - 10h24

blog do cha - Boi bandido

Carlos Henrique Ângelo


Quem esperava seriedade, pode tirar o cavalo da chuva. O ministro Carlos Minc parece disposto a fazer com que sintamos saudades de sua antecessora. Evito nominar prá não dar azar. Mas o careca, ativista do movimento GLBT e afins (a estrela do PT desabrocha em seu site) resolveu reeditar a caça ao boi bandido. Quer colocar a Força Nacional para prender os bois criados em áreas desmatadas irregularmente. Sarney tentou isso na época do congelamento e não conseguiu nada além de cair no ridículo.

Em Rondônia

Por aqui, se alguma boiada for apreendida, corre-se o risco de colocar sob guarda do Ibama. Aí, segue direto para o tal do MCC, aquele para quem o superintendente do órgão, Osvaldo Pittaluga queria destinar uma serraria e um monte de motosserras ( é assim a grafia, viu Pittaluga? O plural de motosserra não é motos-serra), o que acabou numa confusão dos diabos.

Licença

Não sei se o superintendente é “inocente” ou acha que todo o mundo é besta por aqui. Documento em poder deste blog indica que ele recomendava a entrega do material e advertia que somente poderiam ser utilizados a partir do devido licenciamento ambiental. Como se os sem terra precisassem de licença para coisa alguma. É muita cara-de-pau.

Não aprendeu

Osvaldo Pittaluga demonstra que não aprendeu coisa alguma com o caso de Corumbiara. À época ele era secretário de estado da Agricultura e consta que teve boa dosagem de participação no caso, embora tenha pulado fora do governo e deixado a bomba estourar no colo do então governador Valdir Raupp

Vírus

Recebi correspondência de alguém que se anuncia como Alam Simões Toledo, da Diretoria Comercial do Banco do Brasil, dizendo que eu deveria atualizar meu cadastro sob pena de perder minha senha no Internet Banking. Até aí, nada de inverossímil, já bancos, assim como cassinos, não foram feitos prá deixar ninguém ganhar. Mas me surpreendeu a pobreza do texto, abarrotado de erros e com um vocabulário mais pobre que minha conta bancária. Ora, senhores! Se quiserem convencer alguém a embarcar no seu vírus, que pelo menos aprendam a escrever.

Iniciativa

Release enviado por Ricardo Leite diz que a Brasil Telecom vai lançar um Programa de Educação utilizando o que há de mais moderno e sofisticado em telecomunicações, para apoiar a implantação de Oficinas Digitais Modelo em escolas públicas. O Programa prevê a implantação de até 500 Oficinas Digitais modelo em nove estados da Federação e no Distrito Federal, na área de abrangência da prestação de serviços da Brasil Telecom, até o ano de 2010. Em 2008 o programa pretende implantar as primeiras 100 Oficinas Digitais e Rondônia está entre os primeiros estados a serem beneficiados.

Exemplo

Cada Oficina Digital contará com computadores para uso dos alunos e dos professores e toda a infra-estrutura necessária ao seu funcionamento, como impressora/scanner a laser e uma máquina fotográfica digital. Cada monitor terá uma câmera e fone de ouvido que possibilitam o treinamento e o ensino à distância. A conexão dos computadores a banda larga Turbo permite acesso rápido à internet, otimizando o processo educacional e o tempo das aulas. Cada escola terá o seu próprio site onde poderão informar as notas dos alunos, eventos realizados na escola e outros avisos e comunicados. Os professores estão sendo capacitados através das parcerias com o IG e a Fundação Intel com cursos de 40 horas de duração. É um exemplo a ser seguido.

Vingança

É conhecido apenas como “Dr. Borges”, o primeiro e mais renomado implantodontista de Rondônia. Ele é também conhecido pelos clientes por usar um argumento no mínimo peculiar como lenitivo quando alguém reclama de dor no tratamento: Ele simplesmente transfere para o infeliz a culpa pela dor: - “Mas eu não estou entendendo essa dor. Você não tinha que sentir dor nenhuma!” E toca o tratamento.
Dia desses, porém, um cliente pagou com a mesma moeda. O oftalmologista Adalberto Penatti estava sendo atendido por Borges, que aproveitou para queixar–se de que não conseguia se acostumar com os novos óculos. A resposta de Penatti foi pura vingança:
- “Tem problema não. Você vai se acostumar”...

Zorando

Aos poucos estou recuperando meu grupo de leitores fiéis. Já devo contar bem, bem com uns vinte. E a generosidade da maioria deles é comovente: muitos ligaram para o celular, ampliando meus créditos pro mês que vem. Beleza! Claro que alguns cobradores também ligaram, mas, fazer o quê? Tenho, porém, que registrar e-mail de meu amigo João Paulo das Virgens, de Vilhena, e de Zorando Moreira de Oliveira, de Teresópolis. É um prazer “inenarrável”, como diz o gingle de Everton Leoni.

A propósito

O programa “Câmera 11” apresentado na TV Candelária por Everton e Léo Ladeia está literalmente “bombando” no horário. Não apenas porque as opções do telespectador são terríveis, mas pelo clima em que a dupla toca o barco. A experiência de Leoni, que não consegue abandonar aquele ar professoral, aliada à irreverência e sensibilidade de Léo Ladeia, tudo isso resultou em uma receita bastante digestiva, divertida e informativa. Parece nem haver roteiro, mas o programa sai numa boa, sem agressões, baixarias, gritarias e todas aquelas exibições de indigência mental impostas ao público de Porto Velho justamente na hora do almoço.

changelo@hotmail.com

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions