Rondônia, terça-feira, 17 de julho de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Sexta, 27 de Fevereiro de 2015 - 22h06

Ceron recebe aval e aumenta energia em 16,9% na segunda

RONDONIAGORA


Ceron recebe aval e aumenta energia em 16,9% na segunda

No país do descontrole, a Aneel autorizou o extorsivo aumento de 16,9% a partir da próxima segunda-feira para os consumidores de Rondônia (Clique aqui e confira a explicação). No Acre, governado pelo mesmo PT do Governo Federal o reajuste é de 21%. A situação das contas públicas é desesperadora causada por uma má gestão que transfere ao cidadão o ônus da irresponsabilidade. Resumindo: o que adiantam três grandes hidrelétricas na região de Porto Velho se continuamos pagando a energia mais cara do país?

É Ceron sim

Em tempo, a própria Aneel ainda chama a empresa de Ceron e não de "Eletrobrás Distribuição Rondônia", famosa por sua péssima prestação de serviços e paralisações constantes. (Clique aqui e confira no site da Aneel)

Depois das empresas de ônibus, taxistas também querem reajuste

Depois das empresas de transporte coletivo, agora é a vez dos taxistas exigirem aumento do preço da bandeirada. O sindicato da categoria entregou ofício nesta sexta-feira, 27, no gabinete do prefeito Mauro Nazif (PSB) pedindo reajuste alegando a alta do combustível e dos custos com pneus e manutenção. Com os representantes dos ônibus, Nazif não negocia enquanto não melhorar a qualidade do atendimento ao usuário e esse critério passa principalmente pela maior oferta de veículos novos. O impasse vai se agravar porque está chegando o mês da data-base dos salários dos cobradores e motoristas.

Insatisfação geral

Enquanto o governador Confúcio Moura (PMDB) fala em sacrifícios para conter os gastos públicos e evitar jogar Rondônia definitivamente na crise, os principais sindicatos dos servidores exigem reajuste salarial. A Polícia Civil entende que os acordos firmados no passado não foram cumpridos. O Governo nega, embora existam Atas de reuniões provando o contrário. O pessoal da Educação usou o mesmo tom. E a Saúde, por enquanto, está controlada graças ao trabalho do secretário Williames Pimentel junto ao dirigente do Sindsaúde, Caio Marin. Mas uma turma contra o atual sindicato já acusa Golbery da Paixão e Caio Marin de pelegos e promete quebrar os acordos com o Executivo.

Reestruturação necessária


Além do reajuste dos servidores, policiais civis e militares, o governador precisa de habilidade política para atender ao pedido dos deputados estaduais para criação da Coordenadoria Metropolitana de Obras em Porto Velho e da Secretaria de Indústria e Comércio. As pastas são necessárias mas onerosas e em tempos de crise financeira o Executivo precisa agir com cautela.

Dor de cabeça

Fora esses problemas internos, o chefe do Executivo acompanha de perto o julgamento no Tribunal Regional Eleitoral dos pedidos de cassação do registro de sua candidatura. O juiz Delson Xavier entrega seu voto na próxima terça-feira, 3, além de outros dois magistrados, Antônio Robles e Jorge Luiz de Moura Gurgel do Amaral. Após o fim desse julgamento, outras 3 ações estão pautadas pelos relatores.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions