Rondônia, segunda-feira, 20 de agosto de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Terça, 09 de Junho de 2009 - 15h27

Coluna semanal Sindsef - 07 a 13 de junho

RONDONIAGORA


DIA DE MOBILIZAÇÃO

Os servidores públicos federais paralisaram as suas atividades na última quinta-feira (4). Na GRA, vestiram camiseta preta e ficaram de fora da repartição em protesto ao governo federal que não quer cumprir parte do acordo negociado durante o ano passado. Centenas de servidores do ex-território federal realizaram essa mobilização. As atividades se concentraram na sede social do sindicato da categoria- Sindsef- localizada na Avenida Rio de Janeiro e nos órgãos federais.

O presidente da entidade, Herclus Coelho, lamenta a falta de compromisso do Governo Federal em cumprir os acordos firmados com a categoria. Os servidores administrativos do Ministério da Agricultura (MAPA) realizaram, em todo o Brasil, o Dia Nacional de Luta da categoria. A atividade faz parte de uma série de ações em defesa da pauta de reivindicações dos servidores que lutam para que o governo corrija as graves distorções salariais no MAPA. Em Porto Velho os servidores administrativos pararam 100% suas atividades e se reuniram no Centro de Formação Sindical do SINDSEF-RO e discutiram seus problemas junto com a Diretoria do SINDSEF e o Dep. Federal Mauro Nazif, que se comprometeu a interceder a favor dos servidores administrativos SFA e CEPLAC, tendo em vista que os servidores estão sendo duramente castigados e discriminados pelo MPOG e LULA, no que se refere ao plano de Carreira da categoria que até hoje sequer foi formulado.

PARALISAÇÃO NACIONAL

No próximo dia 17 de junho está programada uma paralisação nacional, onde servidores federais de todo o país ficarão mobilizados e literalmente parados para rediscutir as promessas e os acordos firmados com o governo. Em Rondônia, caravanas de vários municípios estarão chegando e se juntarão com os servidores da capital, para com bandeira em punho, marcharem para a Praça Getúlio Vargas, na grande concentração que durante o dia todo demonstrará força ao governo federal. Herclus disse que cada vez mais os servidores demonstram força e união, desesperando o governo federal que terá que cumprir os pactos firmados se não quiser encarar uma greve em todo o Brasil.

REAJUSTE GARANTIDO MESMO?

Em reunião com representantes das entidades do Fisco, o secretário de Recursos Humanos do Ministério do Planejamento, Duvanier Paiva, garantiu que a segunda parcela do reajuste da categoria está garantida para julho, como previsto no termo do acordo. “Há sinais seguros de recuperação da economia e o reajuste está garantido”, assegurou Duvanier. Isso significa que as demais categorias de servidores que têm reajustes previstos para julho também devem receber o mesmo tratamento. A categoria já aprovou indicativo de greve, caso o governo venha a descumprir os acordos e negar as reivindicações da campanha salarial. Os reajustes previstos beneficiam cerca de 480 mil funcionários do Executivo Federal e têm impacto de mais de R$ 17 bilhões nos cofres públicos apenas este ano. Para o presidente do SINDSEF, Herclus Coelho, o servidor federal deve ficar atento para as promessas do governo LULA e só acreditar quando o aumento definitivamente estiver no contracheque.

GT

Entidades sindicais participaram da primeira reunião no grupo de trabalho (GT) dos servidores do Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes (Dnit). De acordo com levantamentos feitos com a ajuda da categoria, o quadro ideal de servidores seria de 4,8 mil servidores ativos. Atualmente o órgão trabalha com apenas 2.700 funcionários. Com isso, o Dnit enfrenta uma defasagem de mão de obra de 56%, sem contar a necessidade de substituição de terceirizados. Sindicalistas lembraram ainda a necessidade de incluir cerca de 23 servidores que exercem atribuições dos servidores do Dnit, mas continuam lotados no Plano Geral de Cargos do Poder Executivo (PGPE).

CONAB

Com participação de trabalhadores da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) de vinte estados, a categoria realizou nos dias 3 e quatro de junho sua plenária nacional. No encontro, foi definido o que será defendido pelos trabalhadores durante o acordo coletivo que deve ser negociado com a direção da empresa. Os trabalhadores da Conab debateram também as alterações promovidas pela empresa no Plano de Cargos, Carreira e Salário (PCCS) do setor. Inconformados com as mudanças promovidas para seguir recomendações do Departamento de Coordenação e Controle das Empresas Estatais (Dest), os trabalhadores aprovaram uma moção de repúdio que será encaminhada à empresa. A categoria se organiza para que a Conab mantenha a proposta aprovada durante o exaustivo processo de negociações envolvendo direção da empresa, Condsef e Asnab-Nacional. O Sindsef enviou um representante da Conab de Rondônia para esse encontro, após deliberação em assembléia.

FAZENDÁRIOS

Na última terça-feira (2), entidades sindicais voltaram a cobrar da Secretaria de Recursos Humanos, o retorno sobre o relatório final que trata da aglutinação de cargos do plano de carreira fazendário (PECFAZ). Gestores da SRH informaram que o relatório passa por uma fase de discussões para que possa ser finalizando. Segundo o Planejamento, houve uma reunião semana passada entre o secretário-adjunto do Ministério da Fazenda, Francisco Franco, e o secretário de Recursos Humanos, Duvanier Ferreira. O objetivo do encontro foi debater e discutir questões envolvendo aglutinação de cargos do PECFAZ.

ESCLARECIMENTO

O Sindsef esclarece ao seu filiado que não está movendo nenhuma ação sobre empréstimo consignado. Nessa coluna, saiu uma matéria sobre esse assunto, mas, o assessor de imprensa, jornalista Carlos Terceiro, quis apenas colocar uma informação sobre o sindicato de servidores públicos do estado de Goiás, o que gerou dúvidas sobre o assunto. O referido jornalista pede desculpas aos filiados pelo mal entendido.

Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions