Rondônia, terça-feira, 18 de dezembro de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Sábado, 12 de Dezembro de 2009 - 09h05

Milhares de servidores estaduais podem ficar sem salários de dezembro e o 13º

Walmir Miranda


Pois é, prezados leitores, isso não é piada de mau gosto não.
Trata-se da mais lídima verdade. Verdade que poderá atingir em cheio os bolsos e as “barrigas” de mais de três mil servidores estaduais já agora no mês de dezembro corrente.
Por que isso estaria prestes a acorrer?
Porque, até a presente data, esses servidores e/ou seus representantes legais não foram até o IPERON fazer o recadastramento exigido pelo referido Instituto desde o segundo semestre de 2008.
Dessa forma, portanto, estão em situação irregular para com o IPERON, e terão os seus salários bloqueados junto à folha de pagamento do Governo do Estado. Inclusive, o 13º salário. Aliás, o 13º deverá ser pago pelo Executivo estadual até o dia 20 do mês em curso.
Portanto, pelo andar da carruagem, poderá haver choro e ranger der dentes em milhares de lares (desses servidores), posto que os mesmos estão correndo o grande risco de passarem às festas de fim de ano lisos, de barrigas vazias e pedindo favores a terceiros. Tudo por causa dessa falta de atenção para com o recadastramento que está sendo exigido pelo IPERON.
Até o momento mais de 40.000 servidores estaduais se recadastraram e estão com suas situações regularizadas. Portanto, continuarão a receber os seus salários sem nenhum atropelo de ordem administrativa. Porém, todos aqueles que não cumprirem com essa determinação do governo terão os seus pagamentos suspensos, conforme já foi anunciado pela diretoria do IPERON.          

COMO FAZER PARA RESOLVER A SITUAÇÃO?

•    1 - O recadastramento pode ser feito na forma ONLINE (via internet). O segurado terá que preencher os formulários específicos do ORGÃO. Nesses formulários existem alguns campos e destaques cujo preenchimento é obrigatório. Vide o site: WWW.IPERON.RO.GOV.BR, à disposição do funcionalismo estadual.
•    2 – Detalhe: o cadastro só será VALIDADO após a entrega (pessoal) ou envio dos documentos listados ao final do procedimento, com cópias autenticadas ao IPERON, em Porto Velho, às Representações de Ensino ou Postos de Atendimento do Recadastramento, com as vias originais e respectivas cópias para serem conferidas. Lembrando ainda que, os documentos apresentados deverão acompanhar o COMPROVANTE DE CADASTRO impresso ao final do recadastramento.
•    3 - Os servidores ATIVOS deverão preencher e apresentar a CERTIDÃO DE EFETIVO EXERCÍCIO PROFISSIONAL (do órgão de origem).
•    4 - Os servidores INATIVOS e os PENSIONISTAS deverão apresentar DECLARAÇÃO DE VIDA E RESIDÊNCIA, com FIRMA RECONHECIDA em cartório.
•    5 - O cadastro dos PENSIONISTAS beneficiários do mesmo ex-servidor deverá ser feito INDIVIDUALMENTE, ou seja, cada beneficiário deverá ser cadastrado separadamente.
Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Estado de Rondônia (IPERON) - Coordenadoria de Sistemas - Av. Sete de Setembro, 2557 - Bairro Nossa Senhora das Graças - CEP: 78915-000 - Porto Velho – Rondônia.

Essa é uma modesta colaboração da coluna “NA BOCA DO POVO” a todos aqueles que, até agora, não sabiam do risco que estão correndo de não receberem os seus salários, bem como, o 13ºreferente ao mês de dezembro de 2009. Portanto, ainda está em tempo da situação ser revertida e regularizada junto ao IPERON. É só uma questão de boa vontade da parte dos servidores que estão na “lista negra” para terem os salários bloqueados por falta do mencionado recadastramento.
Entendemos que com a situação resolvida, o Natal e o Ano Novo serão bem melhores para esses servidores e seus familiares. Ou não?

                                                   *************************

SAIBA SOBRE OS SUPER SALÁRIOS DO FUTEBOL BRASILEIRO  (1)

Como seria bom se todos os brasileiros e brasileiras fossem bons e boas de bola. Se assim fosse, não haveria pobreza, gente sem miserável e sem teto, gente desempregada, gente doente e sem as mínimas condições para se tratar, gente sem condições para estudar e, sobre modo, gente sem qualificação profissional e sem emprego digno para sobreviver aos solavancos da vida.
Que bom seria, se assim fosse. Mas infelizmente não é assim.
Apenas uns poucos em talento para jogar um excelente futebol e obter super salários dentro ou fora do Brasil.
Na verdade, isso é um grande contraste com os salários que ganham os professores, os advogados, os engenheiros, os médicos, os policiais, os magistrados, os ministros, os economistas, os executivos de ponta, além de tantos e tantos outros profissionais.
 
SAIBA SOBRE OS SUPER SALÁRIOS DO FUTEBOL BRASILEIRO  (2)

Destarte lembrar que, a coluna “NA BOCA DO POVO”, de caráter eclético naquilo que aborda, por isso menciona que a questão dos supersalários de jogadores de futebol no Brasil é, efetivamente, algo que chama atenção, sobre modo, pelo imenso contrate com a nossa realidade social e econômica.
Dentro desse diapasão, vale considerar que, recentemente, a Revista Placar mostrou quais são os maiores salários do futebol brasileiro (tão somente dentro do Brasil). O resultado divulgado, todavia, não é nada surpreendente.
O atacante Ronaldo, do Corinthians, está no topo do ranking, com R$ 1.100.000,00 (entre salários e porcentagens de patrocínios).
Leandro Amaral (do Fluminense) que quase não joga, recebe salários de R$ 280 mil, ou seja, ganha mais do que craques consagrados como Rogério Ceni (SP), D´Alessandro (Internacional) e Marcos (Palmeiras).
O ranking publicado pela Revista Placar, entretanto, mostra algumas disparidades dentro dos próprios clubes.
O Corinthians, por exemplo, tem Souza (ex-Flamengo) que se transformou em reserva de luxo no clube mosqueteiro, ganha R$ 175 mil mensais. Portanto, mais do que ganham os atletas William, Cristian, Elias e Dentinho.

CONFIRA OS 10 MAIORES SALÁRIOS DO FUTEBOL BRASILEIRO

1)    Ronaldo (Corinthians) – R$ 1.100.000,00;
2)    Adriano (Flamengo) – R$ 362.000,00;
3)    Nilmar (Internacional - RS) – R$ 360.000,00;
4)    Fred (Fluminense) – R$ 350.000,00;
5)    Leandro Amaral (Fluminense) – R$ 280.000,00;
6)    Kleber (Cruzeiro – MG) - R$ 280.000,00;
7)    Edmilson (Palmeiras) – R$ 240.000,00;
8)    Rogério Céni (SP) – R$ 230.000,00;
9)    Washington (SP) – R$ 220.000,00;
10)     Marcos (Palmeiras), D´Alessandro (Inter), Léo (Santos) e Fábio Costa (Santos) – R$ 200.000,00 (cada).
É o caso de se endossar a pergunta: vale a pena ou não ser um bom jogador de futebol no Brasil?

                                           ************************

A CORRUPÇÃO QUE DESTROI E ENVERGONHA O BRASIL

Quem não lembra do escândalo do “mensalão do PT”; da terrivelmente e ilegal “quebra do sigilo bancário do jardineiro” pelo então ministro da Fazenda Antônio Pallocci (PT); da prisão do irmão do petista José Genuíno com milhares de dólares na cueca; do envolvimento do churrasqueiro do presidente Lula com empresários e políticos suspeitos de transações ilícitas; do “mensalão” do então governador de Minas Gerais (atual senador) Eduardo Azeredo; do juiz ladrão (Nicolau dos Santos Neto), apelidado de “Nicolau Lalau”, por ter abocanhado dos cofres públicos milhões de reais destinados à construção do TRT de São Paulo. Nicolau Lalau foi condenado a cumprir pena domiciliar (em sua mansão, no Morumbi, em São Paulo).
E agora veio a tona o “mensalão do DEM” do Distrito Federal, onde até o governador ARRUDA, aparece recebendo dinheiro, “para comprar panetones”, segundo disse à imprensa.
Na verdade, em todos esses episódios, muitas centenas de milhões de reais foram roubados dos cofres públicos em prejuízo da população brasileira. Verdadeiras quadrilhas de “gente do colarinho branco” continuam a assaltar o dinheiro proveniente do pagamento de impostos pelo povo.
Essa grana deveria estar sendo aplicada em mais educação, mais saúde, mais segurança, para melhorar a qualidade de vida dos brasileiros. Entretanto, os muitos milhões roubados estariam em contas de supostos políticos e empresários corruptos (dentro ou fora do Brasil).
O resultado disso, na outra ponta da questão, é o crescimento da criminalidade em todas as regiões do País.
Sabem por quê?
Porque os pobres, os desprovidos da sorte, não agüentam mais ver gente rica e milionária roubar dinheiro público, descaradamente, só para fazer crescer o seu poderio econômico e financeiro, e não irem para a cadeia.
Enquanto isso, os estabelecimentos prisionais estão abarrotados de pequenos deliquentes ou deliquentes primários, enquanto os verdadeiros “tubarões” do crime estão à solta, rindo da cara da população e zombando de nossas autoridades.
Isso é uma vergonha.
É bom que se diga que, não é por falta de leis que esses políticos corruptos e empresários ladrões estão soltos pela aí. Até porque as leis brasileiras são suficientes para combater a corrupção. Todos sabem disso.
O problema, na verdade, são as “brechas” existentes nessas leis.
É através dessas “brechas” que os bons advogados conseguem livrar seus clientes da cadeia ou arrastar os processos por anos e anos até a quase caduquice dos mesmos junto aos tribunais. Lamentavelmente.
Entretanto, é preciso admitir que, no Brasil também existem pessoas sérias (magistrados, uns poucos empresários e políticos, autoridades, líderes de classes e lideranças comunitárias). Porém, o grande número de pessoas sem ÉTICA e sem respeito pelo próximo é que causam todo esse mal que aí está envergonhando a nação perante os olhos do mundo que, aliás, padece dos mesmos defeitos e problemas conforme a imprensa mostra todos os dias.
Os corruptos por sua vez podem pensar em tudo, menos no futuro do Brasil e de sua gente honesta, pacífica e trabalhadora.
Mesmo assim é preciso continuar acreditando que o mal jamais vencerá o bem.
É preciso continuar combatendo a corrupção e a preparar os nossos filhos para uma vida melhor no Brasil.
Para isso acontecer é preciso que a população brasileira diga não a CORRUPÇÃO.
Como em 2010 teremos eleições majoritárias, outra vez, será mais uma oportunidade para se depurar o cenário político, votando em quem realmente tenha compromisso com o Brasil, com os seus estados e municípios. E, principalmente, com a sua população.
Mas será preciso ter coragem de separar o “joio do trigo”, quando se estiver frente a frente, cara a cara, com as urnas.
Caso contrário é se preparar para “chorar sobre o leite derramado” - (por mais quatro anos) -, além de correr o risco de dar chance para a ladroagem, a roubalheira e a corrupção continuarem envergonhando e destruindo o nosso País.
    

ATÉ A PRÓXIMA, PREZADOS LEITORES !!!

*************************************************************************


(Disponível em https://www.rondoniagora.com/artigos/milhares-de-servidores-estaduais-podem-ficar-sem-salarios-de-dezembro-e-o-13o)
Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions