Rondoniagora.com

Rondônia, 25 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Artigos

Pesquisa da Aprosmat comprova eficiência do ADRG 9050 para controle de mais um tipo de nematoide

Quarta-feira, 08 Junho de 2016 - 16:14 | Da Redacao


Uma análise técnica divulgada pela Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (APROSMAT) apontou que o Híbrido de Milheto ADRG 9050 reduz a incidência do nematoide Meloidogyne incognita.

De acordo com o estudo, o FR para esta espécie de nematoide é 0,4, ou seja, o híbrido reduz em cerca de 60% a população da praga. A pesquisa reforça, ainda, resultados já conhecidos de controle de nematoides das espécies Pratylenchus brachyurus (FR 0,3) e Meloidogyne javanica (FR 0,4).

De acordo com o melhorista Luiz A. Bonamigo, responsável pelo programa de desenvolvimento de Milheto da Bonamigo Adriana Melhoramentos, a cultivar é uma ferramenta diferenciada para o controle de nematoides em grandes áreas de plantio, pois proporciona ainda vantagens comerciais.

“A rotação de culturas é importante para o controle dos nematoides. Nós sabemos que os Milhos e Sorgos de modo geral são multiplicadores de alguns nematoides, enquanto o Milheto pode ser utilizado para este manejo”, explica Bonamigo.

As braquiárias, embora sejam eficientes no controle do M. incognita, são multiplicadoras de Pratylenchus brachyurus.

Segundo o melhorista, o milheto se diferencia das outras soluções pela melhor adaptabilidade a condições adversas e pela sua alta produtividade. “O Milheto é uma planta de ampla adaptação. Cresce muito rápido, produz biomassa rapidamente mesmo em condições de estresse climático, recicla os nutrientes e descompacta solo. Trata-se de uma planta extraordinária. Não vejo nenhuma outra planta com essa excelente capacidade de ajudar o sistema de produção como um todo”, afirma Luiz A. Bonamigo.

O híbrido de milheto ADRG 9050 foi desenvolvido com o objetivo de proporcionar alta produtividade em grãos. Na última safra a cultivar alcançou produtividades que chegaram ao patamar de 40 a 50 sacas por hectare.

Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News