Rondônia, 01 de março de 2024
Jornal Rondoniagora
Siga o Rondoniagora

Geral

AUMENTO DA TARIFA DE ÔNIBUS: ENTIDADES DO MOVIMENTO SOCIAL VÃO ÀS RUAS NO PRÓXIMO DIA 20

Domingo, 16 Janeiro de 2011 - 09:44 | RONDONIAGORA


No próximo dia 20 de janeiro acontece um grande ato público de protesto contra o aumento da tarifa de ônibus em Porto Velho com a presença de representantes de vários segmentos do movimento social da capital. A concentração começa por volta das 9 horas na Praça Marechal Deodoro, no centro de Porto Velho. O movimento não está vinculado a nenhum partido político e envolve apenas movimentos sociais.



O ato público é uma das pautas da agenda positiva do Movimento Unificado em Defesa do Transporte Público de Qualidade, realizada ontem (13.01) a tarde no auditório da Arquidiocese de Porto Velho. A agenda resolveu ampliar o fórum de discussão e incluiu não só o preço da tarifa, mas também a qualidade do transporte que hoje é oferecido à população da capital do Estado.

Na terça-feira, o Movimento Unificado inaugura a “Barraca da Solidariedade”, uma tenda que será colocada em frente à Prefeitura de Porto Velho e que será um dos pontos de referência das entidades envolvidas na discussão. O padre José Geraldo “Juquinha” coordenador da Comissão de Justiça e Paz da Arquidiocese de Porto Velho (CJP) é o coordenador do Movimento Unificado.

A CJP foi escolhida como o local onde se reunirá as entidades do Movimento Unificado. A Igreja é uma instituição mais isenta da questão partidária e por isso é o lugar mais propício para os debates e coordenação do movimento. “Na realidade, o Movimento Unificado é apenas a gênese de um projeto maior. Pretendemos estender as discussões também para o campo da segurança, saúde, Educação e outros segmentos em favor das minorias”, disse o Padre Juquinha.

Hoje pela manhã, o religioso entregou à Promotora de Justiça Edna Capelli, a ata da Audiência pública realizada na quinta-feira que discutiu o aumento abusivo da tarifa de ônibus e o depoimento de cada participante representativo do segmento social. Segundo o professor Adilson Siqueira, a ata será anexada ao processo que foi aberto pelo Ministério Público que apura irregularidades no aumento da tarifa dos coletivos urbanos de Porto Velho. Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também

PIOR TRANSPORTE PÚBLICO DO PAIS GARANTE REAJUSTE EM PORTO VELHO

A pressão de empresários e da Prefeitura da Capital deu resultado: o portovelhense que utiliza um dos meios de transporte coletivo mais sucateado d...

Aumento da tarifa domina os debates durante a posse da nova Mesa Diretora da Câmara

Apesar do clima de festa de Ano Novo e por causa da posse da nova Mesa Diretora, os debates ocorridos hoje na Câmara Municipal de Porto Velho foram...