Rondoniagora.com

Rondônia, 30 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Política

Em discurso, parlamentar elogia postura equilibrada do Governo durante protestos

Terça-feira, 10 Maio de 2011 - 09:34 | RONDONIAGORA


O deputado federal Moreira Mendes, presidente da executiva estadual do PPS, foi à tribuna da Câmara para falar sobre a greve dos policiais militares em Rondônia. Ele destacou que as reivindicações da categoria por aumento salarial e melhores condições de trabalho são justas e corretas, mas que por trás do movimento estariam manifestantes, que, na verdade, queriam “por lenha na fogueira”. Ele ressaltou que o impasse só foi resolvido graças à serenidade, à compreensão e ao equilíbrio do governador Confúcio Moura, que foi seguro e firme no diálogo com a corporação.

“Faço aqui esse registro para lamentar que até gente de partidos que apoiam o Governo, mais especificamente lideranças do PT na Assembleia Legislativa, estava lá botando lenha na fogueira. Isso é muito ruim para a imagem do estado e para a população, que sofre sem dever”, lamentou o deputado, acrescentando que a situação só se agravou por conta de mal-entendidos em relação à greve. Moreira destacou, ainda, que a ajuda da Assembleia Legislativa e de outras lideranças do estado foi fundamental na construção de um acordo com os militares, o que possibilitou que tudo voltasse à normalidade.

Código Florestal Já!

A votação do projeto do novo Código Florestal, previsto para hoje, foi outro tema abordado por Moreira Mendes. Ele afirmou ter absoluta convicção de que os líderes dos partidos que compõem a base do Governo, o presidente da Casa, Marco Maia, e os ministros envolvidos na discussão irão honrar suas palavras e colocar a matéria em votação. “Faremos a nossa parte, e depois encaminharemos (a proposta) para o
Senado”.

Moreira, que é presidente da Frente Parlamentar Agropecuária (FPA), criticou a intromissão de Organizações Não Governamentais (ONGs) estrangeiras - como é o caso do Greenpeace - nas questões internas do Brasil. Na sua opinião, são organizações controladas por recursos internacionais, “que não têm nenhum compromisso com o Brasil nem com o nosso desenvolvimento, estão verdadeiramente a serviços escusos de fora do País para inviabilizar aquilo que o Brasil tem de melhor, que é a agricultura e pecuária”.

Ele aproveitou para denunciar que as ONGs estão fazendo uma campanha mentirosa na internet, por meio das mídias sociais (twitter, facebook, orkut, etc.). “Estão bombardeando a população, com informações falsas e mentirosas, dentre elas a de que aquele relatório apresentado pelo deputado Aldo Rebelo estimula o desmatamento. Isto é uma mentira deslavada! Desafio qualquer um desses desocupados a virem, num debate franco, dizer onde está escrito que estamos estimulando o desmatamento!”, rebateu.

O objetivo do novo Código Florestal, reiterou Moreira Mendes, é fazer com que o Brasil legal coincida com o Brasil real. “Queremos uma lei que coincida com aquilo que está no campo, com a realidade brasileira. Por isso conclamo a todos os deputados: não se deixem levar por essa cantiga de grilo. Vamos defender os interesses nacionais, o Brasil, a produção e o produtor, sem voltar as costas para o meio ambiente, que também é importante”, finalizou.
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também

Para Moreira Mendes, adiamento da votação do Código Florestal evita vetos

O deputado federal Moreira Mendes (PPS-RO) afirmou hoje, pela manhã, que, ao contrário do que muitos dizem, o adiamento da votação do Código Flores...


Bancada rondoniense está unida pela votação do Código Florestal, só Padre Tom é contra

Dos 11 parlamentares rondonienses no Congresso, apenas o deputado federal Padre Tom (PT) é contra o relatório do Código Florestal alterado pelo dep...


Plenário vota pedido de urgência para discutir Código Florestal

Depois de participar de várias reuniões, o deputado Moreira Mendes (PPS-RO) confirmou que será votado ainda hoje pelo Plenário da Câmara um pedido ...


Mobilização no Congresso é grande para votar Código Florestal

A mobilização na Câmara dos Deputados para votar o novo Código Florestal é grande desde as primeiras horas do dia. Os ambientalistas tentaram prorr...