Rondônia, quarta-feira, 22 de agosto de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Domingo, 16 de Fevereiro de 2014 - 10h41

A Hora é Agora!

Carlos Caldeira


A Hora é Agora!

Com esse slogan, Dr. Mauro Nazif elegeu-se prefeito de Porto Velho, e com esse slogan, hoje, Mauro Nazif é sinônimo de incompetência, de piadas e de muita revolta da população. Quando o então candidato a prefeito Mauro Nazif surgiu com o bordão ridículo pedindo para todos os eleitores “quarentiar” - uma alusão ao seu número 40 -, nós deveríamos ter desconfiado que nada ia dar certo, até porque quem cria uma troço desses, não merece ser chamado de competente.

Leia Mais

Dr. Mauro vem conseguindo o inimaginável à frente da prefeitura: rebaixar Roberto Sobrinho ao quarto lugar de político mais odiado da nossa capital! Dr. Mauro é disparado o primeiríssimo lugar, seguido de seu irmão Gilson e do dublê de vice-prefeito Rômulo Éneas, vulgo Dalton Di Franco, e só então que aparece Roberto Sobrinho.

Depois de um ano e dois meses de empossado, a administração do Dr. Mauro virou caso de polícia. Na segunda-feira passada, um caminhão da frota da prefeitura, a serviço da SEMAS, Secretaria Municipal de Assistência Social, foi flagrado nas ruas da capital transitando com uma placa fria. A placa era de uma moto Biz de uma empresa de Ji-Paraná, e o mais grave de tudo isso é que, ao ser abordado, o motorista não conduzia nenhum documento do veículo, e nem poderia, já que a própria secretária da SEMAS admitiu que o veículo não tinha documento. O “responsável” pelo setor de transporte da secretaria confessou que sabia que a placa era de uma moto de Ji-Paraná e aí todo mundo foi parar na central de polícia, e só sobrou para o motorista que ficou preso e ainda foi indiciado criminalmente. Absurdo!

E ainda essa semana, um ônibus da empresa Três Marias, que tem a concessão do transporte público da capital, também foi flagrado em uma situação no mínimo esdrúxula: em vez de estar transportando passageiros, estava recolhendo pedras, isso mesmo, estava recolhendo pedras pelas ruas de Porto Velho. Os funcionários que trabalham na linha do bairro Nacional, com medo de represálias da população porque o ônibus não estava mais entrando em algumas ruas, decidiram por conta própria, fazer a operação tapa buracos. Uma vergonha!

Vamos quarentiar? Então vamos! Todos os problemas da administração municipal resumem-se em: receber as benditas 115 máquinas e fazer a inversão da avenida Sete de Setembro. Na terça-feira passada, a pedido da vereadora Ana Maria Negreiros e do presidente Alan Queiroz, a câmara municipal de Porto Velho realizou audiência pública para discutir a tal inversão da Sete de Setembro e o plano de mobilidade urbana. O secretário Coronel Gutemberg foi tão bombardeado de críticas que em certo momento deu a entender que iria se retirar da mesa da Câmara. Quase 100% da população é contra essa sandice e somente o prefeito e sua “competente” equipe é a favor.

E pra fechar, em mais um comunicado a imprensa, nosso prefeito declarou que com a chegada das máquinas ele vai dar um prazo de até 31 de março para seus secretários mostrarem serviço, caso contrário serão sumariamente demitidos! Conclusão: SEMED, SEMUSA, SEMDSTUR, SEMAS, SEMA, SEMUR, SEMPRE e EMDUR, não dependem das máquinas, então já pode demitir os secretários. E dúvida é: Caso Gilson Nazif não apresente resultado satisfatório, também vai pro saco?


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions