Rondônia, terça-feira, 21 de agosto de 2018
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Artigos

Publicado em Domingo, 15 de Dezembro de 2013 - 09h35

Bianco e o fogo amigo

Gérson Costa


A Operação Cartas Marcadas não desanimou o ex-prefeito José Bianco (DEM). Na engenharia desenhada entre PSD, PSDB e DEM, Bianco se mantém na reserva disposto a assumir a postulação de pré-candidato a governador pela coalizão oposicionista. Caso não seja possível, a Assembleia Legislativa é o caminho natural, avisam aliados e correligionários.

Nome de peso

Nome como Bianco na Assembleia Legislativa dá peso ao Parlamento desgastado há vários anos com representantes sem qualificações e com mandatos marcados por situações vexatórias, como é o caso de corrupção. Marcos Donadon, Valter Araújo e Carlão de Oliveira, políticos populistas, chegaram ao Poder por méritos assistencialistas e acabaram na presidência daquela Casa. Dois estão presos e falta pouco para o terceiro cumprir pena também.

Incoerência

Bianco já falou aos amigos próximos que não caminha com o projeto de reeleição do governador Confúcio Moura. O irônico é que o DEM continua com cargos no Governo. Walter Silvano Gonçalves é presidente do Iperon por indicação do próprio Bianco. Em sua gestão, Walter foi secretário particular do ex-governador.

Assombração

Deputado Luizinho Goebel (PV) parecia ter visto fantasma na sessão da última quarta-feira, 11. Disse aos mais próximos que ouviu de uma fonte segura que a Polícia Civil faria uma nova operação no Poder Legislativo. E se houver mesmo, quem vai segurar o rojão é o deputado Maurão de Carvalho (PP), já que o presidente da Casa, Hermínio Coelho (PSD), está de férias marcadas.

Vigilância armada

O Tribunal de Contas de Rondônia vai gastar R$ 75.354,10 com segurança privada em 12 meses. O contrato foi assinado com a empresa acreana Estação Vip de Segurança Privada Ltda. Os vigilantes farão a guarda patrimonial da sede da Corte e das unidades espalhadas no interior do Estado. O valor global ficou estimado em R$ 904.249,90. Por falar em vigilância privada, os ex-funcionários da Rocha, demitidos porque o Governo cortou o contrato, aguardam o pagamento de verbas rescisórias.

Cadê o exemplo

O Tribunal de Contas precisa dar o exemplo e arrumar outra ferramenta para garantir o pagamento de pequenas despesas com servidores em trânsito. Basta uma olhada nas páginas do Diário Oficial da Corte para verificar a grande quantidade de adiantamentos, os suspeitíssimos suprimentos de fundos, para motoristas no valor de R$ 4 mil para acompanhar uma equipe de técnicos ao interior. Como diz o ditado, papel cabe tudo, inclusive vistosos relatórios de prestação de contas.

Rumo a reeleição

Engana-se quem subestima a capacidade eleitoral do senador Acir Gurgacz (PDT-RO). O parlamentar consolidou sua liderança no segundo maior colégio de Rondônia – Ji-Paraná – sua base política, e seu trabalho já é reconhecido por lideranças de Porto Velho. O produtor rural enxerga em Acir o político com grande capacidade de articulação em Brasília para resolver questões de conflitos agrários e fomento da produção agrícola. No centro do poder, o senador soube cultivar boas relações e o resultado é positivo. Ji-Paraná ganhou infraestrutura e a Saúde em Ariquemes passará por profundas mudanças graças ao trabalho do parlamentar.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions