Rondônia, quarta-feira, 27 de outubro de 2021
Últimas Notícias   Rondoniagora.com no Facebook Rondoniagora.com no Twitter Rondoniagora.com no Youtube

Geral

Publicado em Terça, 29 de Novembro de 2011 - 22h08

VALTER ARAÚJO DEIXA IML E SEGUE PARA PRESÍDIO FEDERAL - atualizada

RONDONIAGORA


VALTER ARAÚJO DEIXA IML E SEGUE PARA PRESÍDIO FEDERAL - atualizada

O deputado Estadual, Valter Araújo, deixou a sede do Instituto Médico Legal (IML) em Porto Velho às 22 horas desta terça-feira, após fazer o exame de corpo de delito e seguiu para a unidade prisional federal da Capital acompanhado por forte esquema de segurança da Polícia Federal.

A Justiça Federal acatou os argumentos do Ministério Público Federal de que ele não poderia mais permanecer na sede da Polícia Federal, principalmente pelo fato de que o local não comporta presos por longo período.

Na unidade prisional federal, Valter Araújo, irá se submeter à rigoroso regime. Por volta das 20h15 um enfermeiro da Assembleia Legislativa de Rondônia esteve na sede da PF para averiguar pressão do presidente afastado da ALE, que nos últimos dias teve sérios problemas de pressão baixa.

Fontes do Rondoniagora relataram que, na motivação que decretou a prisão preventiva de Valter Araújo, o desembargador Sansão Saldanha destacou o fato de que a esposa do deputado tentou repassar um telefone celular a ele na sede da Polícia Federal.

Forte esquema

Valter Araújo não sabia, até por volta das 20h30min que seria transferido ao Presídio Federal. Mais cedo, estava confiante de que a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) iria se impor contra o flagrante. Chegou a orar com a Bíblia de que seu Deus não o abandonaria. Avisado de que havia uma decisão da prisão preventiva passou mal.
Durante a noite a Justiça Federal autorizou a transferência do agora deputado preventivado e a movimentação de jornalistas na frente da sede da PF acabou gerando desconfiança em seus assessores. A esposa de seu chefe de gabinete, Gilmar, chegou ao local com a informação de que ele seria solto. O advogado Nelson Canedo esteve na PF mas não conseguiu entrar. Como a transferência vazou, a operação poderia ser adiada. Os jornalistas seguiram então para o IML.

Por volta das 22 horas um grande aparato da PF chegou. Agentes se posicionaram em posições estratégicas e os jornalistas foram impedidos de realizar qualquer captura de imagem, uma vez que a escolta com Valter Araújo posicionou-se em uma entrada na parte detrás do prédio e que é pouco usada. Policiais impediram a imprensa de se aproximar. De acordo com um dos agentes, ele teria passado em meio a corpos. Não passou mais de 10 minutos e seguiu ao Presídio. O exame de corpo de delito é rotina de qualquer presidiário que deixa a Polícia Federal.


Rondoniagora.com





2016 © Rondoniagora.com - Jornal Rondoniagora é uma publicação de Central de Jornalismo, Produção, Marketing e Assessoria Ltda. Todo o noticiário, incluindo vídeos, não podem ser publicados, retransmitidos por broadcast, reescritos ou redistribuídos sem autorização escrita da direção, mesmo citando a fonte.

Avenida Guaporé, 4248 - Bairro Igarapé - Porto Velho - RO (69) 3225-9705

Desenvolvido por
Idalus Internet Solutions