Rondoniagora.com

Rondônia, 28 de Setembro de 2022
Banner
Siga o Rondoniagora

Geral

Para delegado, operários presos não cometeram crime

Segunda-feira, 21 Março de 2011 - 10:19 | O Estado de S.Paulo


Os 12 operários presos por suspeita de participação no quebra-quebra das obras da usina hidrelétrica de Jirau, em Rondônia, na semana passada, têm média de idade de 25 anos. O mais novo tem 19 anos. Ao liberar 11 deles no final de semana - um ficou detido por ter mandado de prisão -, o delegado da Polícia Civil Vital Salvino Otonni escreveu no boletim que houve uma "manifestação" no canteiro das margens do rio Madeira e não ocorreu "qualquer fato criminoso" por parte dos detidos.

As avaliações do delegado diferem das versões apresentadas na última sexta-feira pelo secretário de Segurança de Rondônia, Marcelo Bessa, pela construtora Camargo Corrêa e pelo governador do Estado, Confúcio Moura, que classificaram os incidentes como "atos de vandalismo e criminalidade".
Rondoniagora.com

SIGA-NOS NO Rondoniagora.com no Google News

Veja Também

Agência Brasil: "Até domingo vão despachar boa parte desses funcionários para suas cidades de origem", diz assessor da Secretaria de Segurança

Brasília – Cerca de 10 mil funcionários da Usina Hidrelétrica de Jirau estão desabrigados por causa do incêndio provocado em seus alojamentos no ca...


LEVANTAMENTOS PRELIMINARES DA PM INDICAM QUE 40 ÔNIBUS FORAM INCENDIADOS EM JIRAU

Dados preliminares da Polícia Militar (PM) apontam que pelo menos 40 ônibus foram incendiados durante protesto de funcionários da Usina de Jirau no...


OS RASTROS DA DESTRUIÇÃO: MAIS DE 50 ÔNIBUS INCENDIADOS; VEJA IMAGENS

 A PM de Rondônia contabilizou mais de 50 ônibus incendiados durante atos de vandalismo na Usina de Jirau. O esquema de segurança montado no local ...